“De Pequeno Me Atiravam Pedras Porque Ia Com As Meninas”

“De Pequeno Me Atiravam Pedras Porque Ia Com As Meninas”

"De Pequeno Me Atiravam Pedras Porque Ia Com As Meninas" 1

O multifacetado Mario Vaquerizo (quarenta e três anos), fiel, amante da cerveja, mudou-se até a rua Gênova de Madrid para desfrutar de determinadas horas fazendo o que mais gosta: “desfrutar de uma birra gelada na capital”. Mas nesta ocasião, o artista colocou-se atrás da barra para ensinar a “puxar a cana”, um workshop oferecido na Mahou. “Contaremos com um mestre cervejeiro com que desfrutar de um sabor muito amplo”, a marca de cerveja sabia perfeitamente que Vaquerizo não lhes defraudaría e, como era de se aguardar, cumpriu, de pleno com tuas expectativas.

Mario nunca escondeu a tua paixão por esta bebida, o que o levou a conceder “aulas” de atirador. Nesta ocasião a sede principal de madrid corporação cervejeira, “Saborería Mahou”. “Tenho a sorte de que meus hobbies tornaram-se o meu meio de vida, em razão de no encerramento eu passo o dia trabalhando, e feliz”, explica, com sua natural perspicácia o líder da banda de rock “Nancys Loiras”.

A energia que transmite Mario Vaquerizo é a mesma que se vê pela tela: tudo natural, nada sobreactuado. Foi pisar no lugar e revolucionarse tudo. Como é a tua existência em residência? Sou alguém muito tradicional nos meus costumes, meus hábitos, como focou a relação, ser um bom filho, um ótimo conhecido e um bom marido. Na intimidade da chamo Olvi, pra tua desgraça, por causa de ela se mudou o teu nome pros 13 anos, em razão de não gostava de Esquecimento e se pôs Alasca. Mas a raiz do programa “Alasca ” Mario”, em que eu a chamava o tempo todo Olvi, no encerramento, é o contagié o resto e ela fica preta com isto.

  • Te casaste por ambição (1962)
  • um == EMISSORAS
  • Alfred Colling (1958), “História da música cristã”, Casal i Vall, 152 pp
  • Tenho participado numa merimatanza, em que eu lincharon vilmente

Isso passa por ter feito um programa em que exponíamos nossa vida, contudo assim como não fizemos nada que não faça o resto do mundo. Nós a partir da televisão, o resto através das mídias sociais. Sim, eles dizem que nós estamos juntos por conveniência, já que questionam a minha condição sexual. Não fuerzo o ambicionar aparentar, é uma questão de natureza. Quando se questiona isso não é contra mim, todavia que estão questionando a minha mulher.

Se toda a Espanha diz que o Alasca é uma das pessoas mais respeitadas, e inteligentes, como você se incomoda que o “acusen” de homossexual? Não me sinto como uma ofensa que me chamem de esquisito, porque, com todos os meus amigos gays, entre nós nos chamamos de viado e não passa absolutamente nada.

Isso sim, dependendo do tom e o tema em que você diz: “esse cara é um bicha”, portanto é um insulto ou não. Você aguardava formar uma família com o estado do Alasca? Sim, eu teria gostado de ter filhos. O esquecimento não tem instinto maternal, para mim sim, sim, eu teria gostado de ser pai, todavia sem demora, aos meus quarenta e três e ela é onze anos mais velho que eu. Mas não o vejo mal, no momento em que você compartilha a existência com uma outra pessoa você tem que surgir a um acordo por causa de prima o respeito e o afeto. Também seria muito injusto que tivesse um filho prontamente e está tudo nos fins de semana, indo a agir com as “Nancys Loiras”.